Ovos de pato-mergulhão são coletados para garantir a sobrevivência da espécie

G1 - http://g1.globo.com/ - 11/08/2017
Terra da Gente acompanha o trabalho de pesquisadores na coleta de ovos de pato-mergulhão, ave ameaçada de extinção, na Serra da Canastra.



A equipe do Terra da Gente vai à Serra da Canastra, em Minas Gerais, para acompanhar de perto o trabalho de pesquisadores na preservação de uma das aves aquáticas mais ameaçadas do mundo, o pato-mergulhão. Estima-se que existam apenas 250 indivíduos na natureza.

Há 16 anos, estudiosos do Instituto Terra Brasilis dedica-se ao trabalho de encontrar ninhos da espécie pelo Cerrado. O grupo não mede esforços para alcançar o objetivo. A pé, de carro ou a remo, os pesquisadores vão a campo. Quem também auxilia nesta operação é Alexandre Resende, biólogo do Instituto Chico Mendes de Conservação da Biodiversidade (ICMBio).

Na Serra da Canastra, a meta é encontrar o ninho, coletar os ovos e levá-los para a criação em cativeiro. Essa intervenção do homem é necessária para garantir a segurança, preservar a espécie e evitar que seja extinta. A intenção é que futuramente as aves sejam reintroduzidas na natureza.

O trabalho não é nada fácil. O pato-mergulhão costuma construir o ninho em barrancos. Técnicas de rapel são colocadas em prática para fazer a retirada dos ovos. Nos ninhos, os pesquisadores analisam as condições dos ovos, para posteriormente transferirem a uma chocadeira portátil e realizarem outro exame.

Alexandre já fez este mesmo trabalho no Parque Estadual do Jalapão, em Tocantins. O biólogo e outros seis pesquisadores navegaram com botes infláveis pelo rio Novo à procura de ninhos. Por sorte, a equipe encontrou o ninho e realizou com sucesso a coleta dos ovos, que posteriormente foram levados de avião até Palmas e encaminhados a Itatiba, no interior de São Paulo.

ecentemente, um feito histórico foi registrado. Pela primeira vez, os casais trazidos para Itatiba procriaram no ZooParque e filhotes de pato-mergulhão nasceram em cativeiro.

Os ovos que não foram retirados do ninho também são monitorados por biólogos. Em registros pessoais, é possível ver o primeiro voo dos filhotes.



http://g1.globo.com/sp/campinas-regiao/terra-da-gente/noticia/ovos-de-pato-mergulhao-sao-coletados-para-garantir-a-sobrevivencia-da-especie.ghtml
Biodiversidade:Fauna

Related Protected Areas:

  • UC Serra da Canastra
  • UC Jalapão
  •  

    As notícias publicadas neste site são pesquisadas diariamente em diferentes fontes e transcritas tal qual apresentadas em seu canal de origem. O Instituto Socioambiental não se responsabiliza pelas opiniões ou erros publicados nestes textos. Caso você encontre alguma inconsistência nas notícias, por favor, entre em contato diretamente com a fonte.

Our sites


Visit the other platforms developed by the Protected Areas Monitoring Program of the Instituto Socioambiental.

Support


This platform would not be possible without the help of our supporters.

Gordon and Betty Moore Foundation
 
© Todos os direitos reservados. Para reprodução de trechos de textos é necessário citar o autor (quando houver) e o site (Unidades de Conservação no Brasil/Instituto Socioambiental - https://uc.socioambiental.org) e data de acesso. A reprodução de fotos e ilustrações não é permitida. Entre em contato para solicitações comerciais de uso do conteúdo.