As notícias aqui publicadas são pesquisadas diariamente em diferentes fontes e transcritas tal qual apresentadas em seu canal de origem. O Instituto Socioambiental não se responsabiliza pelas opiniões ou erros publicados nestes textos.

ICMBio - www.icmbio.gov.br
01/09/2008
Chapada Diamantina ainda esta sob alerta vermelho

Um incêndio que começou na quinta-feira (28) ainda persiste em alguns pontos do Parque Nacional da Chapada Diamantina, na Bahia, deixando a unidade de conservação administrada pelo Instituto Chico Mendes de Conservação da Biodiversidade (ICMBio) em estado de alerta vermelho.

O alerta vermelho é acionado pelo Prevfogo, centro especializado, responsável pelo monitoramento de queimadas e incêndios florestais em unidades de conservação, sempre que uma área é atingida pelo fogo de forma continuada, obrigando à formação de equipes para o seu combate.

Na Chapada, os focos de incêndios continuam avançando na região de Mucugê. No domingo (31), à noite, equipes de voluntários conseguiram debelar um foco na área conhecida como Guiné. O parque conta com 14 brigadas de voluntários, recrutadas entre os municípios da vizinhança como Palmeiras, Mucugê e Andaraí.

OUTROS ALERTAS

O Prevfogo colocou também sob alerta vermelho o Parque Nacional Grandes Veredas, em Minas Gerais; as florestas nacionais de Altamira e Jamanxim, no Pará; a Reserva Biológica das Nascentes de Serra do Cachimbo, também no Pará; a Floresta Nacional do Bom Futuro e o Parque Nacional de Pacaás Novos, em Rondônia; e a Estação Ecológica Serra Geral do Tocantins e Parque Nacional do Araguaia, no Tocantins.

Estão ainda sob alerta amarelo as florestas nacionais do Amazonas e do Jatuarana e o Parque Nacional Mapinguari, no Amazonas; o Refúgio de Vida Silvestre das Veredas do Oeste Baiano, na Bahia; a Estação Ecológica da Terra do Meio, a Florestas Nacional de Itaituba II, os parques nacionais da Amazônia, da Serra do Pardo, do Jamanxim, do Rio Novo e a Reserva Biológica do Tapirapé, todos no Pará; o Parque Nacional dos Campos Amazônicos, em Rondônia, e o Parque Nacional das Araucárias, em Santa Catarina.

O alerta amarelo é acionado quando são recebidas as primeiras informações sobre focos de incêndios em unidades de conservação. Se o incêndio persiste ou agrava, então é acionado o alerta vermelho.