As notícias aqui publicadas são pesquisadas diariamente em diferentes fontes e transcritas tal qual apresentadas em seu canal de origem. O Instituto Socioambiental não se responsabiliza pelas opiniões ou erros publicados nestes textos.

Jornal Cruzeiro - http://www.jornalcruzeiro.com.br
13/08/2015
Contrato "de fachada" bancou turbina instalada na Flona

Investigações conduzidas pela Polícia Federal e pelo Ministério Público Federal dentro da Operação Radioatividade revelam que os projetos de pesquisa e de execução de uma turbina idealizada pela Hidrogeradores & Energia (HG), de Sorocaba, que tem entre seus titulares o ex-presidente da Eletronuclear e vice-almirante reformado, Othon Luiz Pinheiro da Silva, teriam sido bancados em parte com dinheiro da Engevix, uma das empreiteiras suspeitas de corrupção em operações da Petrobras. Estima-se que as transferências tenham somado cerca de R$ 1 milhão. Othon cumpre prisão preventiva por envolvimento em esquema de corrupção desvendado pela Operação Lava Jato.

O protótipo do equipamento está na Floresta Nacional de Ipanema (Flona), em Iperó, desde 2013, segundo confirmou ao Cruzeiro do Sul o Instituto Chico Mendes de Biodiversidade (ICMBio), que administra a unidade de conservação. A empresa admitiu que utilizou contratos de fachada para transferir dinheiro à empresa Aratec Engenharia, de Othon Pinheiro, e agora negocia com a Controladoria Geral da União (CGU) acordo de leniência para reduzir eventuais punições, caso seja condenada pela Justiça. De acordo com diretores da empreiteira, os aportes financiariam o projeto de desenvolvimento de turbinas hidráulicas de geração de energia da empresa Hydel - Hidro Eletricidade, também do almirante. Ainda segundo investigado, os repasses foram feitos por meio de outra empresa, a Link.

http://www.jornalcruzeiro.com.br/materia/631419/contrato-de-fachada-banc...