As notícias aqui publicadas são pesquisadas diariamente em diferentes fontes e transcritas tal qual apresentadas em seu canal de origem. O Instituto Socioambiental não se responsabiliza pelas opiniões ou erros publicados nestes textos.

ICMBio - http://www.icmbio.gov.br/
22/08/2016
Fogo destroi mais de 155 mil ha no Araguaia

Brigadistas tentam conter as chamas no parque nacional, em Tocantins, que tem áreas sobrepostas a terra indígena. ICMBio articula com a Funai o planejamento das ações

Diversos focos de incêndio voltaram a atingir nesta segunda-feira (22) o Parque Nacional do Araguaia, no Tocantins, conforme boletim da Coordenação de Emergências Ambientais (Coem), do Instituto Chico Mendes de Conservação da Biodiversidade (ICMBio), divulgado agora há pouco.

A brigada anti-incêndio do parque, formada por 18 homens, está em campo. O planejamento das ações de combate às chamas vem sendo feito pela Coem em articulação com a Fundação Nacional do Índio (Funai), já que comunidades indígenas habitam a região. Não há previsão de chuva para os próximos sete dias. A área queimada já passa dos 155 mil hectares.

Outra unidade com sobreposição de área indígena, a Reserva Bológica do Guaporé, em Rondônia, também registrava incêndio florestal. O fogo ocorria no extremo sul da reserva, em região de campo onde vivem índios isolados. A Coem articula com a Funai protocolo para uma ação mais efetiva nessa área. Não há também, segundo o boletim, previsão de chuva para os próximos sete dias.

Na Estação Ecológica Serra Geral do Tocantins, localizada entre os estados de Tocantins e Bahia, ocorriam três incêndios no interior da unidade. O primeiro, mais ao sul, foi isolado ontem (domingo, 21), parte por combate e parte por queimadas prescritas feitas anteriormente. O segundo, na porção noroeste, vem sendo combatido por 42 brigadistas, que se preparavam para atacar o terceiro foco, na porção leste, que está sendo monitorado.

Além dessas unidades, brigadistas do ICMBio combatiam incêndio na porção noroeste do Parque Nacional Nascentes do Rio Parnaíba, localizado entre os estados do Piauí, Maranhão, Bahia e Tocantins. No Parque Nacional Pacaás Novos, em Rondônia, foi registrado incêndio no pico do Tracoá, apesar das chuvas que ocorreram na região. Suspeita-se que o fogo tenha sido provocado por raios em área de campina. Há previsão de chuva para os próximos dias.

Nas unidades de conservação localizadas ao longo da BR 163, no Pará, mais especificamente as florestas nacionais do Jamanxim e de Altamira, o Parque Nacional da Serra do Pardo e a Estação Ecológica Terra do Meio, a situação era basicamente a mesma da semana passada, com poucos focos de calor. A única e boa novidade é que que chove na região.

http://www.icmbio.gov.br/portal/ultimas-noticias/8110-fogo-destroi-mais-...