As notícias aqui publicadas são pesquisadas diariamente em diferentes fontes e transcritas tal qual apresentadas em seu canal de origem. O Instituto Socioambiental não se responsabiliza pelas opiniões ou erros publicados nestes textos.

ICMBio - www.icmbio.gov.br
10/09/2008
ICMBio e Ibama fazem operacao conjunta para proteger Mata Atlantica em Santa Catarina

Servidores das florestas nacionais (Flonas) de Ibirama, Três Barras e Chapecó (SC) participaram da operação Guardiões da Mata Atlântica I junto com a equipe do Ibama local. A operação ocorreu no meio-oeste e planalto norte catarinense.

A operação teve por objetivo coibir o desmatamento ilegal na Mata Atlântica, punindo os infratores que desrespeitam a legislação ambiental. A fiscalização envolveu 22 servidores de todo o estado, sendo 3 analistas ambientais do ICMBio, distribuídos em equipes de fiscalização divididas entre logística e geoprocessamento.

As equipes trabalharam por quatro semanas, verificando pontos de desmatamento na região, detectados por sobrevôos de helicóptero e captados pelo satélite, quando foram realizadas comparações de imagens entre os anos de 2004 e 2008. As imagens indicaram supressão de vegetação.

Tida como uma das grandes ações da Superintendência do Ibama/SC neste ano, os resultados finais impressionam. Foram expedidos 60 autos de infração, no valor de R$ 2.905.438.8, sendo embargados 16,.22 hectares de desmatamentos em Área de Preservação Permanente (APP) e 507,47 fora dela. Foram ainda apreendidos lotes de madeiras e lenhas diversas, xaxim, carvão vegetal, aremas e equipamentos usados pelos infratores.

Ainda restam 327 hectares que serão atuados posteriormente. O custo da operação ficou em torno dos R$ 67 mil, usados em consertos de veículos, combustível, material de expediente e diárias.