As notícias aqui publicadas são pesquisadas diariamente em diferentes fontes e transcritas tal qual apresentadas em seu canal de origem. O Instituto Socioambiental não se responsabiliza pelas opiniões ou erros publicados nestes textos.

ICMBio - http://www.icmbio.gov.br/
26/07/2013
Parceria reforca novas pesquisas no Taim

A Estação Ecológica (Esec) do Taim, no Rio Grande do Sul, acaba de assinar termo de reciprocidade com a Universidade Federal do Rio Grande do Sul (Furg). O acordo prevê ações conjuntas de conservação, com intercâmbios científicos, didáticos, educacionais e culturais e desenvolvimento de atividades de pesquisa, ensino e extensão no interior da unidade de conservação.

O termo foi assinado pela reitora da Furg, Cleuza Maria Sobral Dias, pelo chefe da Estação, Henrique Ilha, e o representante do Instituto Chico Mendes de Conservação da Biodiversidade (ICMBio), Cléber Palma. Participaram do ato o analista ambiental Caio Eichenberger; a diretora em exercício do Instituto de Ciências Biológicas (ICB/Furg), Ioní Colares, e o representante da universidade no Conselho Consultivo do Taim, Cleber Palma Silva.

Planejamento

O ICMBio participará ativamente do planejamento, execução e avaliação dos projetos e atividades a serem desenvolvidas durante o acordo. Nesse sentido, dará consultoria técnica, treinamento e capacitação, facilitando a participação de recursos humanos e infraestrutura, bem como oferecendo ao ICB estágios, iniciação científica, entre outras ações, programas de atuação voluntária.

O ICB, unidade que representa a Furg no termo de reciprocidade, deve propor, de acordo com demandas da Esec Taim, projetos, planos de trabalho e outras atividades, que tenham por objetivo subsidiar a conservação do ambiente e a formação de recursos humanos dos cursos do ICB. Segundo o acordo, o ICB deve ainda facilitar ao ICMBio amplo acesso às informações e documentos relacionados à execução das ações realizadas.

A assinatura do acordo permite regulamentar e ampliar as diversas ações conjuntas já realizadas no Taim por equipes da Furg na área das Ciências Biológicas. A partir daí, conforme a reitora Cleuza Dias e os representantes da Esec, será possível que outros termos em áreas específicas sejam assinados.

Interesse recíproco

Henrique Ilha, gestor da Estação, salientou que o acordo "é fruto de interesse recíproco e explícito" e que garante ações conjuntas independente de pessoas e gestões. O chefe da unidade ressaltou que a iniciativa mostra o esforço do ICMBio na consolidação da unidade de conservação e poderá oferecer subsídios técnicos, trabalho de campo e respostas técnicas viáveis, além de ampliar as possibilidades de captação de recursos.

Cléber Palma mostrou-se satisfeito ao ouvir dos representantes da Furg palavras carinhosas sobre o Taim, mostrando que há entre na universidade um sentimento de pertencimento à Esec. Isso garante, segundo Cléber, os cuidados com a Estação.

A reitora Cleuza Dias, a diretora em exercício Ioní Colares e Cleber ressaltaram ainda a satisfação em assinar o acordo e saudaram a possibilidade de novos estágios e trabalhos de ensino, pesquisa e extensão, entre as ações que poderão ser feitas a partir de agora.

http://www.icmbio.gov.br/portal/comunicacao/noticias/4-destaques/4168-pa...