As notícias aqui publicadas são pesquisadas diariamente em diferentes fontes e transcritas tal qual apresentadas em seu canal de origem. O Instituto Socioambiental não se responsabiliza pelas opiniões ou erros publicados nestes textos.

Pagina 22 n. 98, set.-out., 2015, p. 7
04/09/2015
Saques na Terra do Meio

Saques na Terra do Meio

Por Redação 4 de Setembro de 2015

POR MAGALI CABRAL
O recém-lançado livro Rotas do Saque: Ameaças e violações à integridade territorial da Terra do Meio (PA), do Instituto Socioambiental (ISA), faz um diagnóstico sobre roubo de madeira, grilagem e ameaças aos povos indígenas e comunidades tradicionais que vivem no conjunto de áreas protegidas da Terra do Meio. A região, localizada na Bacia do Rio Xingu, no Sudoeste do Pará, entre os rios Xingu e Iriri, é um corredor de 8 milhões de hectares de áreas protegidas no coração da Amazônia, entre terras indígenas e unidades de conservação.
Na década de 1990, a região passou por um processo intenso de grilagem e exploração madeireira ilegal, que deixou tentáculos sobre a floresta e seus povos. Rotas do Saque mostra que, uma década após a decretação da maioria das Unidades de Conservação da região, o território e as comunidades tradicionais da Terra do Meio seguem sob um novo ciclo de pressões de grupos interessados na apropriação ilegal de terras públicas e no roubo de madeira. Acesse o pdf da publicação.

Página 22 n. 98, set.-out., 2015, p. 7

http://www.pagina22.com.br/2015/09/04/saques-na-terra-do-meio/