As notícias aqui publicadas são pesquisadas diariamente em diferentes fontes e transcritas tal qual apresentadas em seu canal de origem. O Instituto Socioambiental não se responsabiliza pelas opiniões ou erros publicados nestes textos.

Porto Gente - https://portogente.com.br
05/09/2014
Ministerio Publico debate preservacao de unidades de conservacao na Bahia

Em reunião, no último dia 21 de agosto, com Ministério Público Estadual, secretarias de Administração e de Meio Ambiente do município e dos chefes das unidades, os representantes do Ministério Público Federal em Vitória da Conquista (BA) discutiram a preservação das duas unidades de conservação do Parque Nacional e Refúgio de Vida Silvestre em Boa Nova, que ficam a 438km da capital. O objetivo do MPF é buscar soluções que atenuem os impactos no meio ambiente na região.

A Parna Boa Nova é uma das maiores unidades existentes no país, ocupando cerca de 15 mil hectares se consideradas em conjunto com a Revis Boa Nova. Criadas em 2010 para proteger e regenerar os ecossistemas naturais da transição entre Mata Atlântica e Caatinga, as unidades de conservação também são áreas ricas em aves: cerca de 428 espécies conhecidas até o momento.

A reunião organizada pelo MPF em Vitória da Conquista é parte do Procedimento Preparatório no 1.14.007.000510/2014-80, instaurado com o objetivo de obter a regularização fundiária e a consolidação dessas unidades.

Durante a reunião, diversos pontos foram levantados, como a falta de estrutura do ICMBio local e a existência de um lixão dentro do Parna Boa Nova. Uma nova reunião irá ocorrer em outubro, dessa vez com a presença dos prefeitos da região e órgãos envolvidos para aprofundar os debates.

https://portogente.com.br/noticias/meio-ambiente/ministerio-publico-deba...