Programa piloto para a proteção das florestas tropicais (PPG-7)

O Programa Piloto para a Proteção das Florestas Tropicais do Brasil é uma iniciativa do governo e da sociedade brasileira, em parceria com a comunidade internacional, que tem como finalidade o desenvolvimento de estratégias inovadoras para a proteção e o uso sustentável da Floresta Amazônica e da Mata Atlântica, associadas a melhorias na qualidade de vida das populações locais. O Programa Piloto constitui o maior programa de cooperação multilateral relacionado a uma temática ambiental de importância global.

Em seu desenho original, foi definido como objetivo geral do Programa Piloto “maximizar os benefícios ambientais das florestas tropicais, de forma consistente com as metas de desenvolvimento do Brasil, por meio da implantação de uma metodologia de desenvolvimento sustentável que contribuirá com a redução contínua do índice de desmatamento”.

O Programa é financiado por doações dos países integrantes do ex-Grupo dos Sete, da União Européia e dos Países Baixos, complementadas com contrapartida crescente do governo brasileiro, dos governos estaduais e de organizações da sociedade civil. O Ministério do Meio Ambiente (MMA) é o responsável pela sua coordenação geral. O Programa Piloto foi proposto na reunião do Grupo dos Sete países industrializados (G-7), nos EUA, em 1990. Foi aprovado pelo G-7 e pela Comissão Européia em dezembro de 1991. Em 1992, durante a Conferência das Nações Unidas para o Meio Ambiente e o Desenvolvimento, a Rio-92, o programa foi oficialmente lançado no Brasil. Os primeiros tiveram sua execução iniciada em 1995.

O Projeto Corredor Ecológico foi um dos projetos concebidos no âmbito da primeira fase do Programa Piloto para a Proteção das Florestas Tropicais do Brasil.A partir de 1999, os resultados alcançados pelos subprogramas e projetos em execução e as discussões decorrentes das dificuldades surgidas na implementação desencadearam um processo de revisão do Programa, o que subsidiou as delimitações e objetivos de sua segunda fase.


Fonte: Ministério do Meio Ambiente. Programa Piloto para a Proteção das Florestas Tropicais do Brasil, acesso em novembro de 2014. Acesse clicando aqui.