Reserva Extrativista Chico Mendes

Area 970,570.00ha.
Legal Jurisdiction Amazônia Legal
Year created 1990
Group Uso Sustentável
Responsible instance Federal
Document Decreto - 99.144 - 12/03/1990

Map

Municipalities

Município(s) no(s) qual(is) incide a Unidade de Conservação e algumas de suas características

Municipalities - RESEX Chico Mendes

# UF Municipality Population (IBGE 2018) Non-urban population (IBGE 2010) Urban population (IBGE 2010) Área do Município (ha) (IBGE 2017) CA area in the municipality (ha) CA area in the municipality (%)
1 AC Xapuri 19,048 5,761 10,330 534,746.80 300,514.12
30.96 %
2 AC Assis Brasil 7,300 2,372 3,700 497,417.50 101,179.71
10.42 %
3 AC Brasiléia 25,848 7,141 14,257 391,650.20 193,847.30
19.97 %
4 AC Capixaba 11,456 4,869 3,929 170,197.40 5,524.93
0.57 %
5 AC Epitaciolândia 18,122 4,482 10,618 165,476.80 59,982.96
6.18 %
6 AC Rio Branco 401,155 27,488 308,550 883,494.20 174,095.94
17.94 %
7 AC Sena Madureira 45,177 12,918 25,111 2,375,306.70 100,180.91
10.32 %

Environment

Vegetation

Vegetation (water courses excluded) % in the CA
Floresta Ombrófila Aberta 75.94
Floresta Ombrófila Densa 24.06

Watersheds

Watershed % in the CA
Purus 100.00

Biomes

Biome % in the CA
Amazônia 100.00

Management

  • Management Agency: (ICMBIO) Instituto Chico Mendes de Conservação da Biodiversidade
  • Type of council: Deliberativo
  • Year of creation: 2003

Juridical Documents

Juridical Documents - RESEX Chico Mendes

Document type Number Document action Document date Publishing date Observation Download
Portaria 5 Concessão crédito 13/07/2010 04/08/2010 Constituir Comissão de Crédito Instalação composta para procederem a operacionalização da concessão do Crédito Instalação em suas modalidades na RESEX CHICO MENDES. Caberá a Comissão de Crédito instruir os processos de concessão de Crédito Instalação, formalizado em favor dos beneficiários do Programa Nacional de Reforma Agrária - PNRA, acompanhar, fiscalizar a aplicação dos recursos e aprovar a prestação de contas.  
Portaria 28 Conselho 22/05/2003 23/05/2003 Cria o Conselho Deliberativo da Reserva Extrativista Chico Mendes, com a finalidade de contribuir com ações voltadas à sua efetiva implantação e implementação do Plano de Manejo dessas Unidades e ao cumprimento dos seus objetivos de criação.  
Portaria 19 (INCRA) Acesso ao PRONAF 03/11/2003 13/11/2003 Reconhece as atividades da Reserva Extrativista Chico Mendes, com área de 970.570,00, áreas matriculadas em nome da União Federal, localizadas nos municípios de Xapuri, Rio Branco, Brasiléia, Assis Brasil, Sena Madureira e Capixaba, no Estado do Acre, administrada pelo Ibama, como atividade de um projeto agroestrativista, código SIPRA AC0095000, no âmbito da superintendência Regional do Acre, visando atender 1794 famílias  
Portaria 96 Outros 02/12/2011 05/12/2011 Cria o Comitê de Negociação no âmbito do ICMBio para definir os termos do Contrato de Utilização do Patrimônio Genético e Repartição de Benefícios (CURB) a ser firmado entre a União, a comunidade da Resex e a empresa Natura Inovação e Tecnologia de Produtos Ltda., para fins de acesso ao patrimônio genético contido em espécies vegetais nativas.  
Contrato 3 Concessão uso para a comunidade (CDRU) 08/11/2012 09/11/2012 Termo de Cessão de Uso que celebram o ICMBio e a Associação de Moradores e Produtores da Reserva Extrativista Chico Mendes em Assis Brasil - AMOPREAB. OBJETO: Cessão sob o Regime de Concessão de Direito Real de Uso Gratuito e Resolúvel, da área de 172.796,29ha correspondente à Gleba AMOPREAB, compreendido nos limites da Resex. VIGÊNCIA: 50 (cinquenta) anos.  
Contrato 4 Concessão uso para a comunidade (CDRU) 08/11/2012 09/11/2012 Termo de Cessão de Uso que celebram o ICMBio e a Associação de Moradores e Produtores da Reserva Extrativistas Chico Mendes em Xapuri - AMOPREX. OBJETO: Cessão sob o Regime de Concessão de Direito Real de Uso Gratuito e Resolúvel, da área de 305.447,77ha compreendido nos limites da Resex. VIGÊNCIA: 50 anos.  
Decreto 5418 Gestão compartilhada 12/03/2013 14/03/2013 Criar Comissão Interinstitucional de gestão compartilhada das ações desenvolvidas na Reserva Extrativista Chico Mendes.  
Portaria 13 Conselho 13/02/2014 14/02/2014 Renova a composição do Conselho Deliberativo da Reserva Extrativista Chico Mendes, no Estado do Acre  
Portaria 60 Instrumento de gestão - plano de manejo 28/08/2008 29/08/2008 Aprova o Plano de Manejo Participativo da Reserva Extrativista Chico Mendes/AC.  
Portaria 476 Instrumento de gestão - manejo 13/07/2017 17/07/2017 Aprova, nos termos e condições definidos no anexo da presente Portaria, o Plano de Manejo Florestal Sustentável Comunitário 1254033, que a AMO- PREX apresentou ao ICMBio objetivando obtenção de licenciamento de ati- vidade de exploração florestal para uma área total de manejo de 17.452,42 hectares, localizada no interior da Reserva Extrativista Chico Mendes (Pro- cesso no 02070.003136/2011-34)  
Portaria 783 Nucleo gestão integrada 30/11/2017 05/12/2017 Instituir o Núcleo de Gestão Integrada - ICMBio Chico Mendes, um arranjo organizacional estruturador do processo gerencial entre unidades de conservação federal, integrando a gestão das unidades localizadas no estado do Acre citadas a seguir: I - Área de Relevante Interesse Ecológico Seringa Nova Esperança; e II - Reserva Extrativista Chico Mendes.  
Decreto 99.144 Criação 12/03/1990 13/03/1990 Fica criada nos Municípios de Xapuri, Rio Branco, Brasiléia e Assis Brasil, no Estado do Acre, a Reserva Extrativista Chico Mendes, com área aproximada de 970.570ha (novecentos e setenta mil, quinhentos e setenta hectares), que passa a integrar a estrutura do Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis (Ibama). O Poder Executivo deverá proceder às desapropriações das áreas privadas legitimamente extremadas do Poder Público, à identificação e arrecadação das áreas públicas e, nos termos do art. 4º do Decreto nº 98.897, de 30 de janeiro de 1990, à outorga de contratos de concessão de direito real de uso à população com tradição extrativista. -
Convênio 2009CV0001 Pesquisa 24/06/2009 29/06/2009 SECRETARIA DE ESTADO DE MEIO AMBIENTE - SEMA EXTRATO DO CONVÊNIO Nº. 2009CV0001 - CNS PROCESSO Nº. 0007206-6/2009. CONVENENTES: CONCEDENTE: SECRETARIA DE ESTADO DE MEIO AMBIENTE e CONVENENTE: CONSELHO NACIONAL DOS SERINGUEIROS. OBJETO: O presente Convênio tem por objeto a elaboração do Diagnóstico Socioeconômico e Ambiental e a realização do Recadastramento das Famílias na Reserva Extrativista Chico Mendes. VALOR: O valor total do presente Contrato será de R$ 145.390,00 (cento e quarenta e cinco mil trezentos e noventa reais), sendo R$ 130.851,00 (cento e trinta mil oitocentos e cinqüenta e um reais) a custas da CONCEDENTE e R$ 14.539,00 (quatorze mil quinhentos e trinta e nove reais) às custas da convenente, a título de contrapartida, que serão alocados de acordo com a seguinte classificação orçamentária: A) Recursos do CONCEDENTE: - Programa de Trabalho: 720.002.185.421.004.2129.0000 - Implementação do ZEE como Instrumento de Gestão - Natureza de Despesa: 335041.00 - Nota de Empenho: 7200020393/2009 - Fonte de Recurso: Fonte 100 Contrapartida - Valor: R$ 130.851,00 (cento e trinta mil oitocentos e cinqüenta e um reais) B) Recurso do CONVENENTE - R$ 14.539,00 (quatorze mil quinhentos e trinta e nove reais) a título de contrapartida. VIGÊNCIA: A validade do presente instrumento será de 06(seis) meses, a contar de sua publicação. DATA E LOCAL DA ASSINATURA: 24.06.2009 - Rio Branco/AC. ASSINAM: CLEISA BRASIL DA CUNHA CARTAXO, pela CONTRATANTE e JOSÉ MARIA BARBOSA DE AQUINO pelo CONTRATADO. -
Convênio 07/2009 Pesquisa 07/04/2009 22/06/2009 EXTRATO DE CONVÊNIO DE ESTÁGIO CONVÊNIO DE ESTÁGIO Nº 07/2009 PARTES: O Instituto Estadual de Desenvolvimento da Educação Profissional Dom Moacyr Grechi e a Associação dos Moradores e Pequenos Produtores da Reserva Extrativista Chico Mendes em Xapuri. OBJETO: Este Convênio de Estágio tem por finalidade oferecer aos educandos do Curso Técnico Agroflorestal da Escola da Floresta Roberval Cardoso o Estágio Supervisionado na Associação dos Moradores e Pequenos Produtores da Reserva Extrativista Chico Mendes em Xapuri - AMOPREX, nos termos da Lei Federal n° 11.788 de 25 de setembro de 2008. VIGÊNCIA: O presente Termo terá duração de 3 (três) meses, contados a partir da data de sua assinatura. DATA DA ASSINATURA: 07 de abril de 2009. ASSINAM: Stela Beatriz Sales Ribeiro pelo Instituto Estadual de Desenvolvimento da Educação Profissional Dom Moacyr Grechi e Renato Ferreira Ribeiro - Presidente da Associação dos Moradores e Pequenos Produtores da Reserva Extrativista Chico Mendes em Xapuri. -
Portaria 29 Acesso ao PRONAF 13/08/2009 09/09/2009 O SUPERINTENDENTE REGIONAL DO INCRA, CONSIDERANDO a Portaria Interministerial nº 13, de 19 de setembro de 2002, que reconhece as populações extrativistas tradicionaisdas Reservas Extrativistas, como beneficiárias, do Programa Nacional de Reforma Agrária - PNRA; e CONSIDERANDO o disposto no Decreto 99.144, de 12 de março de 1990, publicado no DOU de 09 de novembro de 2000, que dispõe sobre a criação da Reserva Extrativista Chico Mendes nos municípios de Xapuri, Rio Branco, e Assis Brasil no Estado do Acre; Considerando a Portaria nº 19, de 03 de novembro de 2003, publicada no DOU nº 221, de 13 de novembro de 2003, que reconhece as atividades da Reserva Extrativista Chico Mendes; e CONSIDERANDO os termos da Norma de Execução INCRA/ Nº 79, de 26 de dezembro de 2008. Resolvem: No- 29 - Art.1° - Criar Comissão de Crédito Instalação composta por ANTONIO GUILHERME DA SILVA BIBIANO, Técnico Agrícola/ INCRA, matrícula SIAPE nº 724095, ANTONIO PEREIRA LIMA - Assistente de Administração/INCRA, matrícula SIAPE Nº 723990 e JOSÉ CARLOS NUNES DA SILVA - Técnico do IBAMA, Matrícula SIAPE nº 6686638, para sob a coordenação do primeiro procederem a operacionalização da concessão do Crédito Instalação em suas modalidades na Reserva Extrativista Chico Mendes - RESEX CHICO MENDES, nos municípios de Assis Brasil, Brasiléia, Epitaciolândia e Xapuri, de acordo com as Normas Vigentes. Art. 2° - Caberá a comissão de Crédito instruir os processos de concessão de Crédito Instalação formalizado em favor dos beneficiários do Programa Nacional de Reforma Agrária - PNRA, acompanhar, fiscalizar a aplicação dos recursos e aprovar a prestação de contas. Art. 3° - Revogar a PORTARIA/INTERINSTITUCIONAL/ Nº 69, de 29 de fevereiro de 2008; CARLOS AUGUSTO LIMA PAZ Superintendente Regional ANSELMO ALFREDO FORNECK Gerente Executivo do IBAMA/AC -
Convênio 03/2009 Outros 07/04/2009 22/06/2009 Instituto Estadual de Desenvolvimento da Educação Profissional Dom Moacyr EXTRATO DE CONVÊNIO DE ESTÁGIO CONVÊNIO DE ESTÁGIO Nº 03/2009 PARTES: O Instituto Estadual de Desenvolvimento da Educação Profissional Dom Moacyr Grechi e a Associação de Moradores e Produtores da Reserva Extrativista Chico Mendes de Brasiléia - AMOPREB. OBJETO: Este Convênio de Estágio tem por finalidade oferecer aos educandos do Curso Técnico Agroflorestal da Escola da Floresta Roberval Cardoso o Estágio Supervisionado na Associação de Moradores e Produtores da Reserva Extrativista Chico Mendes de Brasiléia - AMOPREB, nos termos da Lei Federal n° 11.788 de 25 de setembro de 2008. VIGÊNCIA: O presente Termo terá duração de 3 (três) meses, contados a partir da data de sua assinatura. DATA DA ASSINATURA: 07 de abril de 2009. ASSINAM: Stela Beatriz Sales Ribeiro pelo Instituto Estadual de Desenvolvimento da Educação Profissional Dom Moacyr Grechi e Valmir Brito da Silva - Presidente da Associação de Moradores e Produtores da Reserva Extrativista Chico Mendes de Brasiléia - AMOPREB. -
Outros s/n Concessão uso para a comunidade (CDRU) 22/11/2002 22/11/2002 Em 24 de novembro de 2002, o Ministro do Meio Ambiente José Carlos Carvalho viajou a Xapuri para assinar os primeiros contratos de Concessão de Direito Real de Uso nas Reservas Extrativistas Chico Mendes e Alto Juruá. O documento é um importante passo na regularização fundiária da UC e permite aos moradores obter concessões para exploração real como beneficiário da área, além de financiamentos em bancos para produção agrícola. Na prática, as concessões diminuem o processo burocrático que exigia dos moradores da reserva a apresentação de uma declaração emitida pelo Ibama para todas as ações realizadas pelos moradores. 11.100 moradores vivem nas duas reservas e serão contemplados com as concessões, sendo 7.500 pessoas da Reserva Extrativista Chico Mendes e 3.600 do Alto Juruá. (Fonte: Reservas extrativistas ganham concessão - O Estado de São Paulo: 22/11/2002 - SISARP ISA). -
Resolução 1 Instrumento de gestão - plano de manejo 13/12/2006 04/01/2007 O Conselho Deliberativo da Resex Chico Mendes aprova o Plano de Manejo da Reserva Extrativista Chico Mendes. O texto completo do Plano de Manejo da Reserva Extrativista Chico Mendes será disponibilizado pelo IBAMA na Diretoria de Desenvolvimento Socioambiental - DISAM, em Brasília/DF e na Superintendência do Ibama no estado do Acre, bem como, na página do IBAMA na Internet. -

Management documents - RESEX Chico Mendes

Plan type Approval year Phase Observation
Plano de manejo 2008 Aprovado Portaria ICMBio/2008: ver situação jurídica
Plano de utilização Implementado O plano objetiva assegurar a auto-sustentabilidade da Reserva Extrativista Chico Mendes, mediante a regulamentação da utilização dos recursos naturais e dos comportamentos a serem seguidos pelos moradores. Contém a relação das condutas não predatórias incorporadas à cultura dos moradores, bem como as demais condutas que devem ser seguidas para cumprir a legislação brasileira sobre o meio ambiente. O plano versa sobre: responsabilidade pela execução do plano; intervenções extrativistas e agro-p

Sobreposições

Não existem sobreposições desta Unidade de Conservação com outras Áreas Protegidas.

Principais Ameaças

Desmatamento na Amazônia Legal

Este tema apresenta a análise dos dados de desmatamento produzidos pelo Projeto de Monitoramento do Desflorestamento na Amazônia Legal (Prodes), que mapeia somente áreas florestadas da Amazônia Legal. Os dados do Prodes não incluem as áreas de cerrado que ocorrem em muitas Unidades de Conservação no bioma Amazônia.

Focos de calor

Área de abrangência do ponto: um foco indica a possibilidade de fogo em um elemento de resolução da imagem (pixel), que varia de 1 km x 1 km até 5 km x 4 km. Neste pixel pode haver uma ou várias queimadas distintas, mas a indicação será de um único foco. Se uma queimada for muito extensa, será detectada em alguns pixeis vizinhos, ou seja, vários focos estarão associados a uma única grande queimada.

Total identificado de desmatamento acumulado até 2000: 23443 hectares
Total identificado de desmatamento acumulado até 2017: 57169 hectares

Characteristics

A proposta de Resex, segundo o Conselho Nacional dos Seringueiros, nasceu originalmente da luta pela identidade dos seringueiros, povos que viveram explorados secularmente pelos patrões da borracha nativa na Amazônia. Nos anos 70, muitos seringais foram vendidos para empresários do sul do Brasil, que transformaram a floresta em área de pastagem, acabando com o meio de vida dos seringueiros e castanheiros. Estes passaram a resistir a essas mudanças e à expulsão, unindo-se em Sindicatos Rurais e organizando os chamados 'empates' (forma de luta organizada e pacífica para impedir as derrubadas). Em Xapuri, no Acre, Chico Mendes se destacou como liderança, através do Sindicato de Trabalhadores Rurais, um fato novo na vida do seringueiro. Em 1990, após uma sucessão de eventos até mesmo trágicos, os resultados da luta pela terra são atingidos. O Conselho Nacional dos Seringueiros consegue o espaço para o reconhecimento legal do Governo Federal.
A vegetação predominante é floresta tropical aberta, ocorrendo ao longo de sua área os seguintes tipos: floresta tropical aberta com bambu, floresta tropical aberta com palmeiras, floresta tropical aberta com cipó e algumas áreas de floresta tropical densa. Os solos são grupos dos podzólicos vermelho amarelos, ocorrendo solos podzólico vermelho e amarelo eutrófico e podzólico vermelho amarelo álico, além de pequenas manchas de hidromórficos gleyzado eutrófico. O relevo da área é composto, segundo classificação do RADAMBRASIL, por planalto rebaixado da Amazônia ocidental e depressão Rio Acre e rio Javari. Caracterizada por uma plataforma regular, sem nenhum tipo de formação rochosa como serras ou outras. A altitude varia entre 100 e 200m. Toda a área da Reserva é recortada por rios e igarapés em grande parte afluentes do Rio Acre, e na parte mais oriental, no município de Sena Madureira é banhada pela bacia do Rio Iaco. Por fim, a Reserva Chico Mendes está inserida numa área de clima quente e muito úmido, onde a temperatura média anual gira em torno de 24° C. O trimestre mais quente é de setembro a novembro, com médias máximas de 38° C, e o mais frio junho, julho e agosto, com médias mínimas de 16° C. Já a precipitação anual é de cerca de 2000 mm, sendo o trimestre mais chuvoso janeiro, fevereiro e março, com 800 mm no período, e o trimestre mais seco junho, julho e agosto, com média de 150 mm, e estiagens de até 30 dias. (Fontes: IBAMA; www.chicomendes.org.br).

Relevo: De acordo com a classificação do Projeto RADAMBRASIL, duas grandes unidades morfoestruturais abrangem a área da Reserva, a Depressão do Rio Acre e o Planalto Rebaixado da Amazônia, onde o controle da erosão é exercido primordialmente pelas condições geológicas. A depressão do Rio Acre está representada na Reserva pelo interflúvio entre o Rio Acre e Rio Branco e pela depressão à margem direita do Rio Iaco. Tal unidade representa o nível topográfico mais baixo da área com média altimétrica em torno de 200 metros. O relevo é caracterizado por colinas onde as dimensões dos interflúvios são inferiores a 259 metros de altitude. O Planalto Rebaixado da Amazônia esta representado na porção mais central da Reserva,compreendendo uma faixa na direção norte-sul, cortando o Rio Xapuri. Como característica apresenta áreas aplainadas e relevos dissecados em interflúvios tabulares. Forma o nível topográfico mais elevado da área, com altimetrias entre 250 a 300 metros.
Solo: Consultas ao mapa do Projeto RADAMBRASIL indicam, na área da Reserva Extrativista Chico Mendes, unicamente solos eutróficos, que sugere boa fertilidade em função de sua capacidade de troca, caracterizado por conter mais de 50% de bases trocáveis. Cerca de 55% dos solos são de textura argilosa e 83% de argila de atividade alta, o que evidencia a presença de áreas com amplo potencial de produção. Os principais tipos de solos encontrados são o Podzólico Vermelho Amarelo, Podzólico Vermelho Amarelo Eutrófico e os Hidromórficos Gleyzados Eutróficos.
Geologia: estudos geológicos são todos de caráter regional e as descrições que se conhecem de afloramentos litológicos, Ocorrências de minerais e fósseis são sempre as margens dos principais rios. A Reserva é composta totalmente por sedimentos cenozóicos, que compõe a Formação Solimões, assentados sobre o embasamento cristalino do Craton Guaporé, que até o momento não afloram na área. Os aluviões recentes,advindos da evolução dos rios da atual rede de drenagem, recobrem esses sedimentos terciários-quartenários.
Hidrologia: apresentaram totais médios anuais variando entre 3.087 mm e 1.498 mm. A média entre cinco pontos com séries acima de 20 anos foi de 2.054 mm.
Recursos Hídricos: Criação de peixes,animais de pequeno e médio porte e consumo doméstico.
(Fonte: Cadastro Nacional de Unidades de Conservação. www.mma.gov.br. Última atualização: 19/09/2007. Acesso em: 19/04/2010).

A vegetação é de florestas de terra firme, onde estão árvores como castanheiras e sumaúmas. Chove muito durante o ano todo, mas o primeiro trimestre do ano é considerado o período mais chuvoso. O período de junho a agosto é o mais seco. Nesta época é feita a colheita do látex. No resto do ano, quando a umidade é grande, o seringueiro costuma interromper o corte e inciar a coleta de castanha e o plantio das roças. Os outros produtos- frutas, óleos, resinas e palmitos - são colhidos ao longo do ano. A Resex é rica em frutas como o açaí, patoá e bacaba, muito apreciada pelos seringueiros. O melhor acesso é de barco, seguindo pelo rio Xapuri.
(Fonte: Guia Philips. Amazônia Brasil. Publicado em 10/2001. pps. 110 e 111).

EDUCAÇÃO : O indíde de analfabetismo é bastante elevado, cerca de 30% da população adulta, sendo que 23,3% das crianças em idade escolar (7-14 anos) apenas 16, 4% frequentavam a escola em 1996.
SAÚDE : Apenas 23,6% frequentam o posto de saúde local. Os moradores utilizam a medicina alopática, remédios caseiros e com frequência consultam curandeiros e rezadeiras. As principais doenças identificadas (ISPN, 1997) foram febre, verminoses (55,3%), malária, doenças respiratórias, leishmaniose, hepatite, tétano, hanseníase e dengue. A maioria das famílias (61,6%) utilizam água para beber diretamente do rio, igarapé ou córrego e 35,6% de vertente ou nascente. A maioria da população (75,3%) não tem filtro de água em casa e somente 9,3% das casas têm privada ou fossa.
INDICADORES DE PRODUÇÃO : Os principais produtos são a borracha e a castanha. Na área de Xapuri e Brasiléia a cobertura florestal é abundante de castanheiras e seringueiras; já na área de Assis Brasil, a baixa ocorrência dessas espécies explica a disposição da populaçõa para o trabalho agrícola mais intenso. O açaí é de ocorrência abundante, contudo sua comercialização ainda é pequena. São extraídos também outros produtos como o cipó-timbó, patauá, bacaba, cajá, cipó-de-imbé, bacuri, sementes, jatobá, palmito, pupunha, copaíba, breu-branco, cupuaçu, sucuba e buriti. O cipó-timbó é extraído por 43,4% da população e utilizado na confecção de artesanato.
As espécies madeireiras são itaúba (para fazer canoas), cedro e cerejeira, extraídas para consumo interno. Os produtos agrícolas são: feijão, arroz, milho e mandioca. As culturas permanentes pupunha e café, sobretudo em Xapuri.
Há criações de animais de pequeno porte como galinhas, patos, vacunos, cavalos, burros, ovelhas, capotes.
(fonte: CNPT/IBAMA, 2002).

Contact

Chefe da UC: SILVANA MARIA LESSA DE SOUZA (DOU 10/09/2012)
Chefes anteriores: Roberta Leocadio Dias (DOU, nov/2010)

Endereço para Correspondência (Ibama):
Rua Veterano Manuel de Barros, nº 320, Abraão Alab
CEP: 69917-150 - Rio Branco - AC
Tel: (68) 3211-1712/1713/1736
Fax: (68) 3226-3211

Coordenadoria Regional (ICMBio): Carolina Carneiro da Fonseca
Endereço CR: Av. Lauro Sodré 6500 - Bairro Aeroporto
CEP: 76803-260 - Porto Velho - RO

News

Total of 388 news about the protected area RESEX Chico Mendes in the database. RSS

View all news from this protected area

 

As notícias publicadas neste site são pesquisadas diariamente em diferentes fontes e transcritas tal qual apresentadas em seu canal de origem. O Instituto Socioambiental não se responsabiliza pelas opiniões ou erros publicados nestes textos. Caso você encontre alguma inconsistência nas notícias, por favor, entre em contato diretamente com a fonte.

Our sites


Visit the other platforms developed by the Protected Areas Monitoring Program of the Instituto Socioambiental.

Support


This platform would not be possible without the help of our supporters.

Gordon and Betty Moore Foundation
 
© Todos os direitos reservados. Para reprodução de trechos de textos é necessário citar o autor (quando houver) e o site (Unidades de Conservação no Brasil/Instituto Socioambiental - https://uc.socioambiental.org) e data de acesso. A reprodução de fotos e ilustrações não é permitida. Entre em contato para solicitações comerciais de uso do conteúdo.