PARNA Mapinguari

Informações gerais

Mapinguari
Parque Nacional
Federal
Proteção Integral
1.744.852 (Lei - 12678 - 25/06/2012)
2008
Instituto Chico Mendes de Conservação da Biodiversidade
Consultivo
2013
Javascript is required to view this map.

Município(s) no(s) qual(is) incide a Unidade de Conservação e algumas de suas características

Município População (IBGE 2007) População rural (IBGE 2001) População urbana (IBGE 2001) Estado Área do município (ha) Área da UC no município (ha) Porcentagem da UC no município (%)
Porto Velho 369345 60952 273709 RO 3.408.237 192.317 10.81 %
Canutama 11463 5298 5439 AM 2.981.963 711.941 40.02 %
Humaitá 38559 8946 23850 AM 3.307.167 0 %
Lábrea 36909 9680 19276 AM 6.822.901 891.606 50.12 %

Pressões e ameaças

O desmatamento, as queimadas e a mineração industrial, são algumas das pressões que mais ameaçam as Unidades de Conservação. Veja abaixo dados atualizados sobre essas pressões nesta UC; para uma visualização comparativa entre as UCs mais desmatadas na Amazônia Legal, acesse o ranking dinâmico.

Para detalhes sobre a obtenção dos dados, acesse nossa nota técnica.

12832.67 ha

Características

Características

Criada através do Decreto s/n 05/06/2008, teve sua área alterada pela Lei 12249/2010, e apresenta formação diferenciada, estando grande parte em fitofisionomias de contato. O parque nacional fica no interflúvio dos rios Purus e Madeira, nos municípios de Lábrea e Canutama, no sul do Amazonas, na divisa com Rondônia
(Fonte: Banco de Dados ISA, julho 2010).

Objetivos: Preservar ecossistemas naturais de grande relevância ecológica e beleza cênica, com destaque para importantes enclaves de savana do interflúvio Purus-Madeira, possibilitando a realização de pesquisas científicas e o desenvolvimento de atividades de educação ambiental, de recreação em contato com a natureza e de turismo ecológico.
Informações complementares: A base administrativa do Parque se localiza em Porto Velho no SIPAM.
Vegetação: A cobertura vegetal é composta de Floresta Ombrófila Aberta; estão presentes áreas de Campos Naturais (Savana-Campos) e áreas de tensão Ecológica. De acordo com (Capobianco et al. 2001) a ecorregião Purus-Madeira apresenta elevado grau de prioridade para conservação botânica, em virtude de parâmetros como riqueza de espécies e endemismos. Espécie endêmica da fauna: Os estudos ambientais para criação do Parque apontaram a ocorrência do primata Callicebus stephennashi (zogue-zogue). Uma nova espécie de ave (gralha) foi descoberta recentemente habitando de forma endêmica os ambientes de transição entre os campos naturais e a Floresta Ombrófila.
Relevo: O Parque Nacional do Mapinguari se localiza na unidade morfoestrutural denominada Bacia Sedimentar Solimões-Amazonas e limita-se com o Escudo Central Brasil. As unidades morfoestruturais da área são a Depressão Amazônica e a Depressão Sul Amazônica.
Solo: Na área da Seqüência Sedimentar Cenozóica Indiferenciada, ocorrem os Neossolos Plinticos e os Podzólicos Vermelho-amarelo plintico. Nas áreas de planície inundáveis, predominam os Neossolos flúvicos e Gleissolos. Nos campos com areais, os Neossolos quartzarênicos e os Planossolos.
Geologia: A Depressão Amazônica envolve os terrenos da Bacia Sedimentar do Solimões-Amazonas e foi esculpida sobre a sequência Sedimentar Cenozóica Indiferenciada, de idade Neogênica-Pleistocênica. Também ocorrem amplas áreas de sedimentos inconsolidados que marcam os terraços as margens do rio Madeira (CPRM, 2001).
Hidrologia: A área é drenada pelas nascentes de afluentes da margem esquerda do Rio Madeira e do Rio Purus. Esses rios sofrem acentuada migração lateral em função do soerguimento, que provoca reativação das zonas de fraquezas pré-estabelecidas. Na área ocorre uma série de aprisionamentos de lagos e migração lateral do leito do rio em mais de um quilômetro, no sentido oeste para leste. O Rio Purus também apresenta sinuosidade elevada. Os principais rios presentes no interior do Parque Mapinguari e pertencentes ao interflúvio Madeira-Purus são os rios Açuã, Mucuim, Inacorrã, Umari, Ciriquiqui, Punicici, Coari, Anaiquê e Coti. As águas subterrâneas, associadas aos aqüíferos porosos das faixas de terraços da área, apresentam vazões significativas para abastecimento.
Visitação: A UC apresenta grande potencial para visitação e turismo, porém há necessidade de realização de diagnósticos para melhor avaliar o potencial e panorama em relação ao uso público na unidade.
(Fonte: Cadastro Nacional de Unidades de Conservação. www.mma.gov.br. Última atualização: 15/03/2010. Acesso em: 31/03/2010).

Está destinado a preservar ecossistemas naturais de grande relevância ecológica e beleza cênica, com destaque para importantes encraves de savana entre os vales dos rios Purus e Madeira. É uma área de grande heterogeneidade ambiental, apresenta diversos ecossistemas isolados e únicos que com grande potencial para a pesquisa científica e visitação pública, com programas de educação ambiental, recreação em contato com a natureza e turismo ecológico.
(Fonte: ASCOM/MMA - www.mma.gov.br - junho de 2008).

A heterogeneidade e a singularidade ambiental da área abrangida pela proposta de criação do Parque Nacional Mapinguari são favorecidas pela presença de formações geológicas únicas. Essas correspondem a maciços isolados em meio às planícies amazônicas onde estão situados importantes formadores da bacia hidrográfica do rio Ituxi em seu curso médio.
(Fonte: www.r2cpress.com.br. Acesso em: 18/03/2010).

Além do impacto da BR-319, o parque está no caminho do desmatamento para soja e gado que avança desde o estado vizinho. A região abriga diferentes ecossistemas, como florestas e manchas de savanas e campos e formações como as serras do Candomblé, do Curuquetê e de Três Irmãos, onde nascem importantes afluentes da Bacia Hidrográfica do Rio Ituxi.
(Fonte: http://www.oeco.com.br. Acesso em: 18/03/2010).

Observações


Aspectos Físicos

Sobreposições com outras Unidades de Conservação ou Terras Indígenas

Sobreposição Categoria da área sobreposta Porcentagem da sobreposição
Balata-Tufari FLONA 1.52
Jacareúba/Katawixi TI 32.96

Biomas

Bioma % na UC
Amazônia 100.00

Fitofisionomias

Fitofisionomia (excluídos cursos d'água) % na UC
Contato Savana-Floresta Ombrófila 45.16
Contato Savana-Formações Pioneiras 7.69
Floresta Ombrófila Aberta 29.60
Floresta Ombrófila Densa 11.86
Savana 5.11

Bacias Hidrográficas

Bacia Hidrográfica % na UC
Madeira 10.51
Purus 89.48

Contatos

Chefe da UC: WILHAN ROCHA (DOU 17/10/2012)

Coordenadoria Regional (ICMBio): Carolina Carneiro da Fonseca
Endereço CR: Av. Lauro Sodré 6500 - Bairro Aeroporto
CEP: 76803-260 - Porto Velho/RO


Notícias

As notícias aqui publicadas são pesquisadas diariamente em diferentes fontes e transcritas tal qual apresentadas em seu canal de origem. O Instituto Socioambiental não se responsabiliza pelas opiniões ou erros publicados nestes textos.
Título Data de publicaçãoícone de ordenação
Reservas que podem ser reduzidas pelo Congresso sao as que mais sofrem desmatamento 12/09/2017
STF analisa construcao de hidreletricas 17/08/2017
Presidente do STF vota por inconstitucionalidade de MP que reduz area protegida 16/08/2017
Suprema corte julgara criterios para reducao de areas protegidas na Amazonia 15/08/2017
TRES ESTADOS RECEBEM DO SIPAM TERMINAIS DE COMUNICACAO VIA SATELITE 04/08/2017
Acao de inconstitucionalidade contra reducao de florestas na Amazonia sera julgada no STF 13/07/2017
Franklimberg de Freitas e nomeado presidente da Funai 12/07/2017
Justica determina implementacao de UCs ao longo da BR-319, entre AM e RO 05/06/2017
Justica manda ICMBio implementar UCs ao longo da BR-319 04/06/2017
Novo presidente interino da FUNAI busca celeridade nos processos de demarcacao de terras 09/05/2017
Delacao da Odebrecht: Joao Carlos Bacelar e suspeito de corrupcao, lavagem de dinheiro e violacao de sigilo funcional 12/04/2017
Lei e valida mesmo se muda assunto de medida provisoria, diz STF 17/03/2017
ICMBio recebe R$ 55 milhoes para UCs na Amazonia 23/02/2017
ONG cria novo metodo de medir desmate 14/11/2016
Apesar do combate, incendio se alastra no Araguaia 23/08/2016
Setur integra conselho do Parque Nacional Mapinguari 29/06/2016
UCs e TIs na Amazonia sao afetadas por mais de 17,5 mil processos de mineracao 29/01/2016
STF rejeita mandado de seguranca contra Mapinguari 03/12/2015
Reserva Extrativista Ituxi e exemplo de produtividade 23/09/2015
Jeep Club e ICMBIO buscam areas para praticas esportivas 26/08/2015
Programa Arpa apoia 105 Unidades de Conservacao 17/06/2015
Amazonia protegida atinge 97% da meta 01/06/2015
Mapinguari reune conselheiros 20/04/2015
Entrevista: Arpa quer proteger 60 milhoes de hectares na Amazonia 27/02/2015
Expedicao do ICMBio realiza inventario de primatas da Amazonia 04/12/2014
Duas especies de primatas ameacadas de extincao sao encontradas em Porto Velho 21/11/2014
Dilma nao cria novas unidades de conservacao na Amazonia e ainda reduz parte das existentes 04/08/2014
Amazonia fora dos planos 04/08/2014
Snuc vive crise sem precedentes 09/07/2014
Amazonia atrai R$ 130 bilhoes, mas enfrenta novos problemas 01/06/2014
Procuradorias impedem liberacao de trator utilizado em desmatamento no Parque Nacional Mapinguari em RO 13/05/2014
Mais de 400 projetos tramitam no Congresso para redefinir limites de UCs 22/12/2013
Fiscalizacao atua conjuntamente em tres UC do norte do pais 11/10/2013
PNUD contrata estudo para 11 reservas e parques 20/08/2013
Governo inicia concessao de florestas para extracao de madeira 05/06/2013
Posto de fronteira na selva fecha as 20h 02/06/2013
Parque Nacional Mapinguari cria conselho consultivo 11/03/2013
PNUD contrata estudo para 11 parques e reservas 06/03/2013
Focos de queimadas no Amazonas aumentam 100% em relacao a 2011, diz Inpe 12/09/2012
Fogo atinge 10 UCs e 113 mil hectares do Parna do Araguaia 31/08/2012
Queimadas no Amazonas alcancam Terras Indigenas e Unidades de Conservacao 28/08/2012
Operacao no Sul do AM identifica desmate e retirada ilegal de madeira em unidade de conservacao 13/08/2012
Agentes do ICMBio participam da operacao tamandua 07/08/2012
MP quer impedir governo de reduzir areas de preservacao na Amazonia 17/07/2012
MP tenta conter reducao de areas de protecao na Amazonia 17/07/2012
MP que reduz Unidades de Conservacao agora e lei 27/06/2012
Senado aprova reducao de areas protegidas 30/05/2012
Em silencio, governo comeca a tocar usinas do rio Tapajos 25/05/2012
Camara aprova reducao de area protegida 16/05/2012
Avalanche de votos aprova MP que altera UCs na Amazonia 16/05/2012
Camara aprova MP que altera limite de oito areas ambientais 15/05/2012
Povos do Tapajos apelam ao STF e ao Congresso pela reprovacao de MP que diminui unidades de conservacao no Para 15/05/2012
Plenario pode votar nesta terca-feira MP que altera areas ambientais 14/05/2012
Relator pede aprovacao da MP que altera unidades de conservacao 10/05/2012
Anistia Internacional pede "acao urgente" do governo brasileiro no sul do Amazonas 26/04/2012
OAB vai ao Supremo contra MP que modificou parques amazonicos 16/04/2012
Presidente ja reduziu areas protegidas em prol das hidreletricas 06/04/2012
Sul do Amazonas em situacao de emergencia ambiental contras os focos de queimadas 20/03/2012
MP compensa areas suprimidas de UCs na Amazonia 27/02/2012
MPF questiona reducao de UCs na Amazonia 14/02/2012
PGR ajuiza acao contra alteracao de unidades de conservacao da Amazonia 09/02/2012
ISA revisa noticia sobre reducao de Unidades de Conservacao 26/01/2012
Gestores ambientais sao cumplices do avanco das hidros 25/01/2012
Dilma reduz Unidades de Conservacao na Amazonia para viabilizar hidreletricas 13/01/2012
Medidas provisorias enfurecem ecologistas 13/01/2012
Onze UC terao Planos de Manejo elaborados de forma integrada 12/01/2012
Reducao de limites em cinco UC representa conciliacao de interesses 10/01/2012
Medida provisoria altera limites de areas de conservacao na Amazonia 10/01/2012
Atraves de MP, Dilma flexibiliza area de mais UCs 06/01/2012
Uniao desafeta areas de conservacao na Amazonia para viabilizar hidreletricas do Tapajos 06/01/2012
Governo edita MP altera limites de florestas nacionais 06/01/2012
Menos areas de protecao na Amazonia para criar hidreletricas 06/01/2012
Exploracao de diamantes reduz parque nacional 24/11/2011
Emenda que reduz Parque da Canastra e retirada 24/11/2011
Explorando um santuario 23/11/2011

Histórico Jurídico

Tipo de documento Número Ação do documento Data do documento Data de publicaçãoícone de ordenação Observação Documento na íntegra
Portaria 1 Conselho 03/02/2017 21/02/2017 Modifica a composição do Conselho Consultivo do Parque Nacional Mapinguari nos estados do Amazonas e Rondônia (Processo no 02119.010885/2016-29). Download PDF
Portaria 166 Conselho 08/03/2013 11/03/2013 Cria o Conselho Consultivo do Parque Nacional Mapinguari, localizado nos Estadosdo Amazonas e Rondônia. Download PDF
Lei 12678 Alteração de limites 25/06/2012 26/06/2012 A Lei é a conversão da MP 558/2012 que dispunha sobre alterações nos limites dos Parna da Amazônia, dos Campos Amazônicos e Mapinguari, das Flona de Itaituba I, Itaituba II, do Crepori e da APA do Tapajós. No caso do Mapinguari, a MP altera a redação da Lei Federal 12249/2010, trocando o acréscimo de 180.900 ha por 172.430 ha; ficam excluídas da ampliação as áreas de interesse das UHE Jirau e Santo Antônio. São permitidas as atividades minerárias autorizadas pelo DNPM na zona de amortecimento. Veja mais: http://site-antigo.socioambiental.org/nsa/detalhe?id=3494A essas alterações, soma-se a desafetação da Flona do Tapajós e a alteração da Lei no 12.249, de 11 de junho de 2010 (suspensão da cobrança de débitos inscritos em Dívida Ativa da União de responsabilidade de produtores rurais vinculados ao PACAL) Download PDF
Portaria 4 Instrumento de gestão - plano de manejo 09/01/2012 10/01/2012 Considerando o disposto no Plano de Proteção e Implementação das UCs da BR-319, elaborado no âmbito do GT BR-319, e a necessidade de elaboração integrada dos Planos de Manejo das unidades sob influência da rodovia, quais sejam: Reserva Biológica do Abufari, Estação Ecológica do Cuniã, Parque Nacional Nascentes do Lago Jari, Parque Nacional Mapinguari, Floresta Nacional Balata-Tufari, Floresta Nacional de Humaitá, Floresta Nacional do Iquiri, Reserva Extrativista Lago do Capanã-Grande, Reserva Extrativista do Rio Ituxi, Reserva Extrativista Médio Purus e Reserva Extrativista Lago do Cuniã e a necessidade de definir procedimentos para a elaboração de forma integrada e simultânea dos Planos de Manejo de diferentes categorias de unidades de conservação: Instituído o Desenho do Processo de Planejamento para a elaboração dos planos de manejo das 11 UCs situadas no Interflúvio Purus-Madeira. O DPP estabelece os aspectos conceituais e as diretrizes metodológicas concernentes ao processo de planejamento, os mecanismos de participação, integração e cronograma, bem como para a capacitação dos gestores das UCs durante o processo de elaboração dos planos de manejo Download PDF
Medida Provisória 558 Alteração de limites 05/01/2012 09/01/2012 Altera limites dos PARNAs Mapinguari, Amazônia e Campos Amazônicos, Flonas Itaituba I e II e Crepori e APA do Tapajós, reduzindo todas as UCs com exceção dos Campos Amazônicos. No caso do Mapinguari, a MP altera a redação da Lei Federal 12249/2010, trocando o acréscimo de 180.900 ha por 172.430 ha; ficam excluídas da ampliação as áreas de interesse das UHE Jirau e Santo Antônio. São permitidas as atividades minerárias autorizadas pelo DNPM na zona de amortecimento.As diretrizes da MP 558 são idênticas as da MP 542/2011 para este Parna, tendo sido reeditadas por terem caducado em dez/2011. Veja mais na notícia: http://www.socioambiental.org/nsa/detalhe?id=3494 Download PDF
Medida Provisória 542 Alteração de limites 12/08/2011 15/08/2011 Altera limites dos PARNAs Mapinguari, Amazônia e Campos Amazônicos, reduzindo os dois primeiros. No caso do Mapinguari, a MP altera a redação da Lei Federal 12249/2010, trocando o acréscimo de 180.900 ha por 172.430 ha; ficam excluídas da ampliação as áreas de interesse das UHE Jirau e Santo Antônio. São permitidas as atividades minerárias autorizadas pelo DNPM na zona de amortecimento.A MP 552/2011 caducou em dez/2011, sendo substituída pela MP 558/2012, publicada com outras alterações. Download PDF
Lei 12249 Alteração de limites 11/06/2010 14/06/2010 Ampliado o Parque Nacional Mapinguari, que passa a incluir em seus limites área de cerca de 180.900 ha. O subsolo da área descrita integra os limites do Parque, sendo excluída do Parque a área do polígono que será inundada pelo lago artificial a ser formado pela barragem da Usina Hidroelétrica de Jirau. É estabelecida como limite da zona de amortecimento do Parque a faixa de 10 km em projeção horizontal.A área total do Parque passa a ser de 1.753.322 ha, incorporando integralmente o território das UCs estaduais Florsu do Rio Vermelho (A), Florsu do Rio Vermelho (B), ESEC Estadual Antônio Mugica Nava e parcialmente da ESEC Estadual Serra dos Três Irmãos.Embora sem valor legal, a Lei Complementar Estadual (RO) N 581 de 30/06/2010, excluiu do PARNA a área do poligno descrito no artigo 116, da Lei Federal n 12.249, de 11 de junho de 2010, que será inundada pelo lago artificial a ser formado pela barragem da Usina Hidroeletrica de Jirau, até a cota 90m (noventa metros). Download PDF
Decreto s/n Criação 05/06/2008 06/06/2008 Cria o Parque Nacional Mapinguari, com área de 1.572.422 ha. Download PDF


comments powered by Disqus