RVS dos Campos de Palmas

Informações gerais

Campos de Palmas
Refúgio de Vida Silvestre
Federal
Proteção Integral
16.582 (Decreto - s/n - 03/04/2006)
2006
Instituto Chico Mendes de Conservação da Biodiversidade
Consultivo
2011
Javascript is required to view this map.

Município(s) no(s) qual(is) incide a Unidade de Conservação e algumas de suas características

Município População (IBGE 2007) População rural (IBGE 2001) População urbana (IBGE 2001) Estado Área do município (ha) Área da UC no município (ha) Porcentagem da UC no município (%)
General Carneiro 14591 4996 8903 PR 107.025 1.481 8.74 %
Palmas 40485 3408 31411 PR 156.736 15.465 91.26 %

Pressões e ameaças

O desmatamento, as queimadas e a mineração industrial, são algumas das pressões que mais ameaçam as Unidades de Conservação. Veja abaixo dados atualizados sobre essas pressões nesta UC; para uma visualização comparativa entre as UCs mais desmatadas na Amazônia Legal, acesse o ranking dinâmico.

Para detalhes sobre a obtenção dos dados, acesse nossa nota técnica.


Características

Características

O Refúgio de Vida Silvestre dos Campos de Palmas está localizada no Paraná. Os objetivos do RVS incluem a proteção de ambientes naturais onde se assegurem condições para a existência ou reprodução de espécies da flora local e da fauna residente ou migratória, especialmente as áreas de campos úmidos e várzeas, bem como realizar pesquisas científicas e o desenvolvimento de atividades controladas de educação ambiental e turismo. (Fonte: MMA. Disponível em http://www.mma.gov.br/areas-protegidas/cadastro-nacional-de-ucs/consulta.... Acesso em 11/05/2013)

Observações

PARQUE NACIONAL DO IGUAÇU
EXTRATO DE DISPENSA DE LICITAÇÃO N 6/2010
N Processo: 02057000081201006 . Objeto: Locação de imóvel para instalação da Sede Administrativa Conjunta do Refúgio de Vida Silvestre dos Campos de Palmas, Estação Ecológica da Mata Preta e Parque Nacional das Araucárias, situado à rua Beviláqua, 863, centro - Palmas/PR. Total de Itens Licitados: 00001 . Fundamento Legal: Artigo 24, inciso X, da Lei 8.666/93 . Justificativa: Locação de imóvel para funcionamento da Sede Administrativa é imprescindível para a continuidade das atividades das Unidades. Declaração de Dispensa em 09/07/2010 . SALETE FERREIRA DA COSTA . Ordenadora de Despesas . Ratificação em 12/07/2010 . SILVANA CANUTO MEDEIROS . Diretora do Planejamento, Administração e Logística . Valor: R$ 14.400,00 . Contratada :SINDICATO DOS EMPREGADOS NO COMERCIO DE PATO BRANCO
(SIDEC - 14/07/2010) 443033-44207-2010NE900133
(DOU 15/07/2010)


Aspectos Físicos

Sobreposições com outras Unidades de Conservação ou Terras Indígenas

Não pertinente.

Biomas

Bioma % na UC
Mata Atlântica 100.00

Fitofisionomias

Fitofisionomia (excluídos cursos d'água) % na UC
Savana 100.00

Bacias Hidrográficas

Bacia Hidrográfica % na UC
Iguacu 99.55
Uruguai Nacional 0.45

Contatos


Notícias

As notícias aqui publicadas são pesquisadas diariamente em diferentes fontes e transcritas tal qual apresentadas em seu canal de origem. O Instituto Socioambiental não se responsabiliza pelas opiniões ou erros publicados nestes textos.
Título Data de publicaçãoícone de ordenação
As oportunidades de negocios escondidas nas areas protegidas 09/04/2017
ICMBio auxilia pesquisa de campo em UC no Parana 14/02/2017
Por que as unidades de conservacao de araucarias estao em situacao precaria 12/12/2016
Encontros em Brasilia discutem licenciamento para Parques Eolicos em Palmas 13/04/2016
Instituicoes indicam necessidade de acoes praticas para proteger a Floresta com Araucarias 11/12/2015
Morosidade do IBAMA atrapalha andamento de projetos eolicos em Palmas 24/08/2015
Refugio Silvestre dos Campos de Palmas renovara Conselho 10/09/2014
Agentes da ESEC Mata Preta promovem Operacao Erva Daninha 24/03/2014
ICMBio realiza fiscalizacao no RVS dos Campos de Palmas 10/10/2012
Gestao participativa pode aproximar a sociedade das UCs 01/10/2012
Campos de Palma conclui diagnostico socioeconomico 16/07/2012
Santa Catarina e Parana repetem fiscalizacao e colhem amostras 02/04/2012
Instituto fecha o cerco ao plantio ilegal da soja transgenica 27/03/2012
Placas de sinalizacao instaladas em Campos de Palmas 26/01/2012
Parque no Parana faz inventario inedito de anfibios 28/12/2011
Quinze papagaios-de-peito-roxo sao reintroduzidos no Parque Nacional das Araucarias 11/11/2011
No mes de maio, cinco conselhos consultivos e deliberativos foram criados e dois modificados 07/06/2011
Instituto cria tres, renova dois e apresenta nova composicao de mais dois conselhos de UCs 31/05/2011
Araucarias e fazendeiros pedem pressa 01/03/2011
PARNA das Araucarias elabora Plano de Manejo 04/09/2009
Da negociacao de conflitos a construcao coletiva no novo portal 02/07/2009
Vivas no papel, esquecidas na pratica 08/05/2009
MMA investe em Parques Nacionais para melhorar fiscalizacao e turismo 05/05/2009
ICMBio prepara fazendeiros para serem conselheiros em unidade de conservacao 01/04/2009
Acordo inedito preve conversao de multa em investimentos em reserva no Parana 07/10/2008
Parana ganha nova reserva ambiental 06/04/2006
Empresa desmata area que seria transformada em parque no Parana 18/06/2005

Histórico Jurídico

Tipo de documento Número Ação do documento Data do documento Data de publicaçãoícone de ordenação Observação Documento na íntegra
Portaria 57 Instrumento de gestão - plano de manejo 30/05/2016 31/05/2016 Aprova o Plano de Manejo do Refugio de Vida Silvestre dos Campos de Palmas (processo n.o 02070.003017/2009-67). Download PDF
Portaria 3 Conselho 11/06/2015 15/06/2015 Modifica a composição do Conselho Consultivo do Refúgio de Vida Silvestre dosCampos de Palmas, no estado do Paraná (Processo no 02057.000043/2010-45) Download PDF
Portaria 36 Conselho 20/05/2011 23/05/2011 Cria o Conselho Consultivo do Refúgio de Vida Silvestre dos Campos de Palmas/PR Download PDF
Contrato 06 Outros 15/07/2009 04/08/2009 UNIDADE AVANÇADAPARQUE NACIONAL DO IGUAÇUEXTRATO DE CONTRATO Nº 6/2009Nº Processo: 02057000059200914. Contratante: INSTITUTO CHICO MENDES DE -CONSERVACAO DA BIODIVERSIDADE. CNPJ Contratado: 25014048900. Contratado : JOAO BATISTA PEREIRA DE SOUZA -Objeto: Locação não residencial de imóvel para instalação da Sede Administrativa Refúgio de Vida Silvestre dos Campos de Palmas, Estação Ecológica da Mata Preta e Parque Nacional das Araucárias na Rua José Joaquim Balhs, nº512, no município de Palmas/PR. Fundamento Legal: Dispensa de Licitação nº.008/2009, em conformidade com o art.24, inciso X da Lei nº.8.666 de21/06/1993 e suas alterações. Vigência: 15/07/2009 a 14/07/2010. Valor Total: R$12.600,00. Fonte: 100000000 - 2009NE900179. Data de Assinatura: 15/07/2009.(SICON - 03/08/2009) 443033-44207-2009NE900228
Decreto s/n Criação 03/04/2006 04/04/2006 Presidente da República cria o Refúgio de Vida Silvestre dos Campos de Palmas com o objetivo de proteger ambientes naturais necessários à existência ou reprodução da flora e fauna residente ou migratória, especialmente os remanescentes de estepe gramíneo-lenhosa de floresta ombrófila mista, as áreas de campos úmidos e várzeas, bem como realizar pesquisas científicas e o desenvolvimento de atividades controladas de educação ambiental e turismo.art 2o. § 2o O subsolo da área descrita no caput deste artigo integra os limites do RVS.art 2o. § 3o O limite da zona de amortecimento do RVS é de quinhentos metros em projeção horizontal, a partir do seu perímetro.Art. 3o Nas áreas particulares localizadas na unidade de conservação, poderão ter continuidade as atividades agropecuárias legalmente autorizadas, consideradas compatíveis com a finalidade da unidade, tais como pastoreio extensivo em campos naturais, exploração da erva mate e cultivo de grãos em plantio direto, desde que adotadas técnicas que minimizem o uso de agrotóxicos e afins.Parágrafo único. Nas áreas particulares localizadas na unidade de conservação, poderão ter continuidade as atividades de silvicultura legalmente autorizadas, desde que se adotem práticas que impeçam a contaminação de áreas com cobertura vegetal nativa por espécies exóticas.Art. 4o Não é permitida na área da unidade de conservação a supressão de vegetação nativa.


comments powered by Disqus