APA Serra da Ibiapaba

Informações gerais

Serra da Ibiapaba
Área de Proteção Ambiental
Federal
Uso Sustentável
1.592.550 (Decreto - s/nº - 26/11/1996)
1996
Instituto Chico Mendes de Conservação da Biodiversidade
Consultivo
2012
Javascript is required to view this map.

Município(s) no(s) qual(is) incide a Unidade de Conservação e algumas de suas características

Município População (IBGE 2007) População rural (IBGE 2001) População urbana (IBGE 2001) Estado Área do município (ha) Área da UC no município (ha) Porcentagem da UC no município (%)
Bom Princípio do Piauí 5276 3409 1216 PI 52.157 342 0.02 %
Brasileira 7699 4440 2926 PI 88.089 76.911 4.8 %
Buriti dos Lopes 19150 9266 9332 PI 69.136 41.590 2.59 %
Cocal 26201 13503 10647 PI 126.907 111.509 6.95 %
Domingos Mourão 4312 3334 950 PI 84.683 83.557 5.21 %
Lagoa de São Francisco 6520 4111 1684 PI 15.564 15.650 0.98 %
Pedro Ii 36675 15284 20917 PI 151.819 145.555 9.08 %
Piracuruca 25625 6905 17881 PI 238.051 239.415 14.93 %
Piripiri 60249 16617 43537 PI 140.893 65.186 4.07 %
Chaval 12215 3666 8497 CE 23.823 14.158 0.88 %
Granja 51410 25920 22564 CE 269.720 127.693 7.96 %
Moraújo 8005 3694 3352 CE 41.561 3.476 0.22 %
Tianguá 64612 20770 37299 CE 90.889 52.637 3.28 %
Viçosa do Ceará 52855 30949 14478 CE 131.159 130.246 8.12 %
Batalha 25724 16197 7930 PI 158.891 25.180 1.57 %
Buriti dos Montes 7820 5439 1845 PI 265.210 26.940 1.68 %
Caraúbas do Piauí 5371 4174 635 PI 47.145 46.786 2.92 %
Caxingó 5023 3220 927 PI 48.816 39.902 2.49 %
Cocal dos Alves 5341 3821 1334 PI 35.810 36.456 2.27 %
Juazeiro do Piauí 4769 3553 970 PI 82.720 14.218 0.89 %
Luís Correia 26147 13956 10297 PI 107.128 47.867 2.99 %
Milton Brandão 7018 5309 1591 PI 137.177 129.886 8.1 %
São João da Fronteira 5008 3273 1613 PI 76.474 68.865 4.29 %
São José do Divino 5045 2686 2195 PI 31.911 31.897 1.99 %
Sigefredo Pacheco 9506 6740 2306 PI 98.207 9.802 0.61 %
Uruoca 12973 5358 6121 CE 69.677 10.626 0.66 %

Pressões e ameaças

O desmatamento, as queimadas e a mineração industrial, são algumas das pressões que mais ameaçam as Unidades de Conservação. Veja abaixo dados atualizados sobre essas pressões nesta UC; para uma visualização comparativa entre as UCs mais desmatadas na Amazônia Legal, acesse o ranking dinâmico.

Para detalhes sobre a obtenção dos dados, acesse nossa nota técnica.


Características

Características

Possui vegetação tipica de Cerrado e Mata úmida (em proporções iguais) e 30% de Caatinga (Avaliação e identificação de ações prioritárias para a conservação, utilização sustentável e repartição de benefícios da biodiversidade do bioma Caatinga, Petrolina - 2000).

Observações

Fonte: Decreto de Criação Obs: Pelo SIG/ISA a área total da APA Serra da Ibiapaba é de 1.603.424,83ha, sendo que 1.295.749,90ha estão no PI e 307.674,93ha estão no CE

Vegetação (Ibama): remanescentes de Cerrado e Caatinga arbórea no entorno do Parque Nacional de Sete Cidades e, ainda, das Florestas Estacional Ombrófila Aberta e de Transição, nas serras da região. (Ecótonos Caatinga-Floresta Amazônica.)
Caatinga 30% (GT Caatinga)

Usos Conflitantes (Inform. Ibama/2000): Queimadas e desmatamentos indiscriminados, caça predatória, comércio ilegal de animais silvestres, mal gerenciamento dos recursos hídricos, uso indiscriminado de agrotóxicos e uso inadequado do solo.

EXTRATO DE TERMO DE COMPROMISSO N 18/2010
N. PROCESSO: 02001.000401/2005-06. ESPÉCIE: Termo de Compromisso de Aplicação dos Recursos da Compensação Ambiental, celebrado entre o Instituto Chico Mendes de Conservação da Biodiversidade - ICMBio e a STN - Sistema de Transmissão Nordeste S/A. OBJETO: Cumprimento da compensação ambiental pela implantação do empreendimento Linha de Transmissão 500 KV Teresina II - Sobral II - Fortaleza II, em favor do Parque Nacional Sete Cidades, Parque Nacional Ubajara, APA Ibiapaba e Floresta Nacional de Sobral. VIGÊNCIA: 01 (um) ano. DATA DE ASSINATURA: 30/06/2010. PELO ICMBio: RÔMULO JOSÉ FERNANDES BARRETO MELLO - Presidente. PELA STN - EDUARDO ALBUQUERQUE DE FIGUEIREDO - Diretor Financeiro e FÁBIO LOPES ALVES - Diretor Técnico
(DOU 02/07/2010)


Aspectos Físicos

Sobreposições com outras Unidades de Conservação ou Terras Indígenas

Sobreposição Categoria da área sobreposta Porcentagem da sobreposição
Sete Cidades PARNA 0.00

Biomas

Bioma % na UC
Caatinga 99.20
Cerrado 0.80

Fitofisionomias

Fitofisionomia (excluídos cursos d'água) % na UC
Contato Savana Estépica-Floresta Estacional 36.87
Contato Savana-Floresta Estacional 2.90
Contato Savana-Savana Estépica 6.39
Contato Savana-Savana Estépica-Floresta Estacional 7.83
Floresta Estacional Semidecidual 0.69
Floresta Ombrófila Aberta 3.83
Savana 4.45
Savana Estépica 37.04

Bacias Hidrográficas

Bacia Hidrográfica % na UC
Litoral CE e PI 20.04
Parnaiba Baixo 65.03
Parnaiba Medio 14.93
Pressão/ameaça
Agricultura
Queimadas/Incêndios
Apreensão de Animais Silvestres
Caça Ilegal
Desmatamento
Uso de agrotóxicos

Contatos

APA da Serra da Ibiapaba
Rodovia da Confiança, 187
Sítio Ingá
Viçosa do Ceará - CE
cep: 62300-000
Fone/fax: 88 632 1727

IBAMA
Gerência Executivano Ceará - GEREX/CE
Divisão de Unidades de Conservação - DIUC
Av. Visconde do Rio Branco, 3900 - Fátima
CEP: 60055-172
Fortaleza-CE
Fone: 85 272 1600
Fax: 227 9081 e 272 9386


Notícias

As notícias aqui publicadas são pesquisadas diariamente em diferentes fontes e transcritas tal qual apresentadas em seu canal de origem. O Instituto Socioambiental não se responsabiliza pelas opiniões ou erros publicados nestes textos.

Histórico Jurídico

Tipo de documento Número Ação do documento Data do documento Data de publicaçãoícone de ordenação Observação Documento na íntegra
Portaria 105 Conselho 08/10/2012 09/10/2012 Fica criado o Conselho Consultivo da Área de Proteção Ambiental Serra da Ibiapaba, com a finalidade de contribuir para o efetivo cumprimento dos objetivos de criação e implementaçãodo plano de manejo da unidade. Download PDF
Decreto s/nº Criação 26/11/1996 27/11/1996 Cria a Área de Proteção Ambiental Serra da Ibiapaba, na biorregião do complexo da Serra Grande com o objetivo de garantir a conservação de remanescentes de cerrado, caatinga e mata atlântica, totalizando uma área aproximada de 1.592.550 hectares. Visa garantir a conservação dos remanescentes de Cerrado e Caatinga arbórea no entorno do Parque Nacional de Sete Cidades e, ainda, das Florestas Estacional, Ombrófila Aberta e de Transição. Download PDF


comments powered by Disqus